4 de dezembro de 2018

LOW RIDER (18)

Movimentando o espaço Low Rider com um repeteco que vale a pena. A saudosa equipe Brabham com seu modelo BT55. O piloto é Riccardo Patrese. 

Ainda que revolucionário, o projeto idealizado pelo sul-africano Gordon Murray, foi um retumbante fracasso. A quem diga que o problema teria sido o propulsor alemão. De todo modo, o modelo em questão marcou o começo do fim da equipe Brabham.

2 comentários:

Anônimo disse...

Bloguemia, aqui me tens de regresso
E suplicante te peço um 'vento de feição'...
Voltei pra rever os amigos que um dia
Eu deixei a chorar de alegria; com carinho acompanhem esta continuação...

Marceloooooonso ! Afonso se foi má tú voltô !

Como vai Itajaí ?

. Mas tu tá enferrujado. O carango aí deu errado porque o motor BMW realmente abriu bico. Motor novo totalmente construído para o novo carro, os biemedáblinos não conseguiram acerta-lo.
Quem acabou com a Brabham foi tio Bernie que estava de olho em ficar mui rico( e ficou) falcatruando a F1.
Já o BT-55 vemos o mesmo no MP4/4 que é um pouquinho mais alto porque nem os japas conseguiriam fazer um motor baixinho como os alemoas tentaram fazer.

E aí ? Gostei da votação no Bolsomito em Santa ! Só vou na Havan agora.


HA !


M.C.

Marcelonso disse...

Pois é M.C, aqui pelas bandas do sul o povo quer mudanças.

Alonso se foi, mas arriscaria dizer que tem possibilidade de volta em 2020, é claro depende muito do equipamento. Quem sabe...

Quanto ao blog, pra não deixar acabar, vou pingando alguns posts aqui...outros ali. O problema tem sido o tempo mesmo.

Nosso campeonato de kart indoor cresceu e tem exigido mais dedicação a cada ano.

abs