22 de fevereiro de 2015

Enquanto isso em Barcelona...

Chegou ao fim neste domingo em Barcelona, a segunda sessão de testes da pré-temporada.

A Lotus, agora impulsionada pelo motor Mercedes, fechou a semana em destaque. Em quatro dias de testes, o time preto e dourado terminou três deles com a melhor marca. Pastor Maldonado foi o mais veloz em duas oportunidades, e Grosjean fechou a série neste domingo, com a melhor marca do dia e também da semana. Não, a Lotus não brigará por vitórias. Mas, o que valeu mesmo foi a milhagem alcançada pela equipe de Enstone - 361 voltas. Um bom começo para quem passou a temporada passada atolada em problemas de confiabilidade e brigando pelas últimas posições no grid.

A equipe McLaren segue enfrentando problemas em sua nova unidade de potência. Com apenas mais quatro dias de testes pela frente, o desenvolvimento do propulsor japonês está se mostrando bem mais difícil que o esperado. E como se não fosse o suficiente, Fernando Alonso sofreu um acidente neste domingo, em Barcelona.
O espanhol escapou da pista na curva 3, chocando seu carro contra o muro de proteção. Apesar de transferido de helicóptero para um hospital para a realização de exames mais profundos, circula a informação que Alonso está consciente e conversando normalmente. De todo modo, o acidente tumultuou ainda mais o cronograma de testes dos ingleses.

Por fim, continua chamando a atenção o ritmo da Mercedes. Rosberg terminou a sessão de hoje a apenas 0s254 da melhor marca cravada por Grosjean. O detalhe importante é que alemão da Mercedes conseguiu isso usando pneus médios, enquanto o francês da Lotus, utilizou o composto supermacio, bem mais veloz. Ou seja, a Mercedes está voando...

No próximo dia 26, a categoria realizará a última sessão da pré-temporada, com mais quatro dia de testes neste mesmo circuito. Será a oportunidade derradeira para as equipes afinarem suas máquinas antes da estréia, no dia 15 de março, em Melbourne.

4 comentários:

Ron Groo disse...

Mais do mesmo né? Mercedes na frente tal...
Mas acho que este ano a Ferrari vai chegar mais perto. E talvez a Red Bull

Será que só eu to achando que a Williams não tá lá com esta força toda?

Anônimo disse...

Tem um papo estranho rolando que El Fofodón desmaiou. 'Teve um mal súbito', como diria vovô.
' O mal súbito é um risco aos viajantes, já que, em casos mais graves, pode levar o motorista a perder o controle do veículo, colocando em perigo a própria vida e a de outras pessoas. “Se houver indícios de mal-estar com perda ou diminuição do nível de consciência, não se deve dirigir, porque o veículo pode se tornar uma arma e são grandes as possibilidades de acidentes” '.
Xiiiii... imagina isso num piloto de F1 !
Dizem as línguas grooronianas - más ou boas, depende - no circuito espanhol que a curva onde o piloto se acidentou não tem dificuldade alguma, a parte do circuito não é perigosa... E a FIA não entregou até agora o vídeo da batida.
Xiiiiii... 2, a fofocagem( fofoca com sacanagem )!
Tá igual ao Petrolão Lullático Dilmista.
Xiiiii... 3, tamofú. Que mandou votar nela e no petê...
Mas o nosso amigo Seth Rogen, já espalha, nos quatro cantos da internet, os nomes dos verdadeiros culpados pelo o ocorrido.
Sim e são dois, os responsáveis pelo mal súbito do erpanióu voador. E até dá rima num sambinha !

HSBC E FHC ! Era o ex-presidente que estava no local segurando uma placa com as letras famoso banco inglês escritas nela, levantando-a toda vez que Fofonso passava com sua McLaren Honda. O fantástico e já veterano piloto não aguentou.

ha !


M.C.

Patryck Leal Gandra disse...

Marcelonso,

Não acompanho a F1 muito de perto, mais notícias e resultados, porém espero que esse ano tenhamos uma maior equilíbrio ma briga pelos títulos, uma vez que nas últimas temporadas, os mesmo ficaram restritos a dois e com uma equipe dominando.

Abraços.
Participe do Super Quiz:
Quarto desafio

Marcelonso disse...

Patrick,

Agradeço a visita.


abs